aceleradora de startupsPowered by Rock Convert

Com mais de 4 mil startups ativas no Brasil, segundo dados da Associação Brasileira de Startups (ABStartups), o cenário de empreendedorismo no país se mostra um pouco mais consolidado do que há alguns anos.

Isso se dá em razão de um maior entendimento do papel que os negócios iniciantes exercem na economia e de mais incentivos por parte das empresas, que veem, nas startups, um local no qual podem encontrar consultoria ou soluções para problemas internos.

Esse cenário um pouco mais favorável faz com que muitas pessoas — que flertam ou já flertaram com a ideia de ter um negócio próprio — pensem se não é o momento de também tirar do papel aquele projeto que não sai da cabeça. E é nessa hora que costuma surgir a seguinte dúvida: como ser um empreendedor de sucesso?

Continue a leitura e entenda algumas boas práticas para exercer o empreendedorismo de forma bem-sucedida!

Atitudes que ajudam a formar um empreendedor de sucesso

Ter um negócio bem-sucedido depende de uma série de fatores externos e internos que, muitas vezes, não estão sob o controle de quem gerencia a empresa. Mas existem, sim, atitudes que podem ser tomadas pelo dono que contribuem, de forma significativa, para o crescimento da sua companhia. Veja algumas delas a seguir.

Conheça o mercado

Manter-se atualizado sobre o mercado de atuação do produto ou serviço que você oferece, bem como sobre os passos da concorrência e as novidades que chegam do exterior, é um requisito imprescindível para não perder negócios.

Além disso, também é importante sempre ter como foco o olhar do cliente, verificando se ele está satisfeito com o seu produto, o que pode ser feito para incrementar a experiência de uso e como corrigir ou ajustar pontos que possam vir a prejudicar a reputação da sua marca.

Aprimore sua gestão

Esse é um esforço constante, mas que costuma trazer ótimos resultados: um gestor preocupado em melhorar está mais atento para criar um bom clima no escritório, adotar uma postura transparente com seus liderados e esforçar-se para oferecer condições de trabalho que incentivem os funcionários a oferecerem o seu máximo.

Outro ponto que também merece atenção do empreendedor é o gerenciamento da empresa em si, como finanças, controle de estoque e status das entregas. Como não é possível lidar com tudo isso pessoalmente, cerque-se de pessoas competentes, que saibam administrar eventuais problemas, apresentem um panorama e busquem orientação em momentos sensíveis.

Aceite ajuda

Centralizar as tarefas é uma característica compartilhada por boa parte dos empreendedores. Apesar de ser uma tática que costuma funcionar no início, ela se torna insustentável à medida que o negócio cresce.

Saber delegar, pedir apoio aos colaboradores e procurar novas parcerias são ações que, mais cedo ou mais tarde, o empreendedor terá que tomar. Por isso, é importante que ele sempre realize um exame de consciência para, quando o momento chegar, não deixar que o lado centralizador o impeça de tomar a melhor decisão para a sua empresa.

Como foi mencionado em um dos tópicos acima, ter uma visão geral das áreas que podem impactar seu negócio é uma característica valiosa para quem deseja proteger sua companhia sem perder a competitividade.

Uma das formas de profissionalizar a gestão e estratégia da sua startup é fazendo o programa de aceleração e pré-aceleração da Bluefields. No programa, com duração de 4 meses, o empreendedor desenvolve seu negócios muito mais rápida e da forma correta, de acordo com as melhores práticas disponíveis no mercado!

Gostou do nosso conteúdo sobre como ser um empreendedor de sucesso? Se você deseja se informar de forma fácil e rápida, curta nossa página no Facebook e receba notícias sobre o mercado de empreendedorismo no Brasil, além de informações sobre o nosso programa de aceleração!

Escreva um comentário

Share This