Categoria

Finanças

Categoria

Fluxo de caixa para startups: saiba como fazer de forma eficiente

Manter as finanças em ordem é um dos principais requisitos para promover a saúde de uma empresa. Nesse sentido, controlar o fluxo de caixa para startup é fundamental para otimizar o gerenciamento dos seus recursos financeiros — fator indispensável para assegurar desde o pagamento das contas até a sua lucratividade. Mais do que uma ferramenta para gerir finanças, o fluxo de caixa também é um importante aliado para a tomada de decisão, organização e identificação de necessidades de investimentos, cortes de gastos, redefinição de processos ou realocação de recursos. Quer garantir o desenvolvimento saudável da sua startup? Confira, abaixo, como fazer o fluxo de caixa com maior eficácia! Entenda o que é fluxo de caixa Antes de qualquer coisa, é preciso compreender que, apesar do nome, o fluxo de caixa considera não só o dinheiro, mas também os demais recursos disponíveis, como contas-correntes e aplicações feitas a curto prazo. O…

Você sabe como adquirir capital para startups? Leia neste artigo!

A falta de dinheiro é um dos principais obstáculos para novos empreendedores. É comum encontrar pessoas com excelentes ideias de negócio, mas que não conseguem concretizá-las por esse motivo. É o seu caso? Para que o seu empreendimento não morra prematuramente, é fundamental saber como buscar capital para startups. Há várias possibilidades de investimento, mas é necessário escolher aquela que esteja de acordo com a realidade da empresa, levando em consideração o seu estágio de amadurecimento. Afinal, os valores para iniciar uma startup ou para expandi-la são diferentes, e é preciso saber a quem recorrer em cada circunstância. Quer alavancar o seu negócio? Confira, abaixo, as melhores alternativas para adquirir o capital de que a sua startup precisa para sair do papel e se tornar uma realidade! Dinheiro de amigos e familiares Para iniciar uma ideia de empresa, uma das opções mais recorrentes é pegar emprestado dinheiro de amigos e…

Você sabe por que é preciso separar finanças corporativas e pessoais?

Seja por inexperiência ou falta de conhecimento, um dos principais erros cometidos por muitos empresários é não separar finanças corporativas e pessoais, especialmente no início da empresa. Geralmente, o empreendedor começa fazendo pequenos gastos, como as compras do supermercado, e quando vê já está se apropriando de recursos maiores, o que compromete o caixa do empreendimento. Não é raro que o contrário também aconteça. Se a empresa não está indo bem, muitas vezes, o dono tira dinheiro do próprio bolso para sanar os problemas financeiros. Toda essa desorganização gera sérios agravos para a saúde das finanças da empresa. Nos piores casos, isso pode até resultar na inviabilidade do negócio e, consequentemente, em falência. Misturar as contas pessoais e empresariais faz parte da sua cultura organizacional? Confira, abaixo, por que é necessário abandonar esse hábito agora mesmo! Evita problemas fiscais e tributários Uma das maiores razões para separar as finanças corporativas…

Afinal, quais os benefícios do investimento coletivo para startups?

Muitas ideias inovadoras de negócio são canceladas antes mesmo de saírem do papel. Na maioria das vezes, essa morte precoce está relacionada à falta de recursos financeiros para seguir em frente. Diante disso, o investimento coletivo surge como uma tábua de salvação para quem quer muito iniciar a sua startup, mas tem limitações em suas finanças. O crowdfunding, que, em português, significa “financiamento coletivo”, caracteriza-se como uma modalidade de investimento que tem sido utilizada por muitas empresas, especialmente por startups e empreendimentos de pequeno porte, para conseguir arrecadar algum tipo de financiamento. O investimento é solicitado por meio de uma plataforma online, e várias pessoas podem investir pequenas quantias de dinheiro para criação do negócio, serviço ou produto. Esse financiamento é capaz de revolucionar a maneira como o empreendedor coloca os seus projetos em prática, permitindo que esse processo se torne mais claro, simples e fácil. Quer iniciar um negócio…

Entenda agora como conseguir investidores para sua startup

Ter uma ideia inovadora é o primeiro passo para montar uma startup, mas isso não é tudo. Para torná-la bem-sucedida é fundamental saber como conseguir investidores. Esse é um dos maiores desafios de quem tem um projeto ou já tirou sua ideia do papel, mas precisa de investimentos para impulsioná-la. Há tipos diferentes de investidores aos quais o empreendedor pode recorrer. No entanto, para aumentar as chances de atrair o interesse e o investimento das pessoas certas é importante melhorar a proposta de negócio e a apresentação — para que ela se torne o mais clara e objetiva possível. Elas precisam ser atraentes e capazes de demonstrar o potencial de crescimento da empresa. Afinal, esse é um fator decisivo para um investidor injetar dinheiro em seu desenvolvimento. Ninguém coloca dinheiro em um empreendimento para perdê-lo, não é mesmo? Pensando em lhe ajudar a clarear essa visão listamos a seguir algumas…

Conheça os principais tipos de investimentos para startups

Conseguir investidores é, em geral, um dos principais desafios encarados por quem gerencia uma startup, especialmente quando falamos do empreendedor comum: uma pessoa com um bom projeto em mãos e que já deu o passo inicial para colocá-lo em prática, mas que não tem a verba necessária para realizar testes mais consistentes ou investir em equipamentos que possam ajudar a potencializar as vendas. Apesar das dificuldades, o cenário se mostra mais promissor. Como o ecossistema empreendedor se desenvolveu muito nos últimos anos, já é possível encontrar diversas opções de investimentos para startups — sejam empresas ainda em estágio embrionário ou aquelas que já se pagam, mas que precisam de apoio para ganhar escala. Conheça 4 opções de investimentos para startups Abaixo, apresentamos cinco alternativas de investimento que já são estabelecidas no Brasil e que abrangem negócios em diferentes estágios de evolução. Inserimos links de referência ao longo do texto para que você possa…